Salvador
26°
nuvens dispersas
humidity: 78%
wind: 5m/s E
H 26 • L 25
Weather from OpenWeatherMap

Plenário do Senado aprova texto-base da Reforma da Previdência

Após quase quatro horas de sessão, o Plenário do Senado aprovou em primeiro turno, na noite de ontem (1°), o texto-base da proposta de emenda à Constituição (PEC) que reforma a Previdência. Foram 56 votos a favor, 19 contra e nenhuma abstenção. Eram necessários 49 votos, equivalentes a três quintos dos senadores mais um, para aprovar o texto.

O presidente da Casa, Davi Alcolumbre, pretendia concluir a tramitação do texto-base e dos destaques até as 22h. Porém, a votação foi atrasada por causa do grande número de senadores que se inscreveram para discursarem, a maioria da oposição. A sessão começou às 16h, com a votação de outras matérias, mas os encaminhamentos do texto-base da PEC da Previdência só começaram às 18h50.

Durante a madrugada, na votação dos destaques, o Senado ainda retirou todas as mudanças que seriam feitas nas regras do abono salarial. A proposta aprovada na Câmara restringia o pagamento do benefício, no valor de um salário mínimo (R$ 998), a quem recebe até R$ 1.364,43 por mês. Com a derrota no Senado, ficam valendo as regras atuais, que garantem o repasse a quem ganha até dois salários mínimos.

A votação dessa regra foi solicitada pela bancada do Cidadania. O governo precisava garantir 49 votos favoráveis ao trecho, mas teve apenas 42 apoiadores. Pela derrubada, votaram 30 senadores.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil