Salvador
24°
nuvens quebrados
humidity: 73%
wind: 5m/s SE
H 24 • L 22
Weather from OpenWeatherMap

Produção industrial da Bahia cai 4,3% e inicia ano com recuo

A produção industrial da Bahia apresentou queda de 4,3% em janeiro frente a dezembro, voltando a apresentar desaceleração após o avanço de 1,6% de novembro de 2016. Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Com o percentual, a Bahia ficou entre as cinco regiões, das 14 pesquisadas, que tiveram queda na produção industrial no primeiro mês de 2017, ao lado do Ceará (-3,4%), Rio Grande do Sul (-3,1%), Região Nordeste (-1,8%) e Paraná (-0,8%). As maiores altas foram registradas no Espírito Santo (4,1%), Pará (2,4%), Goiás (2,4%) e Pernambuco (2,1%).

Frente a janeiro de 2016, a produção industrial baiana também registrou a maior queda, dentre as áreas pesquisadas (-15,5%). A Bahia foi uma das três áreas em que houve recuo da indústria, ao lado de Rio Grande do Sul (-4,1%) e  região Nordeste (-2,9%). Por outro lado, Pernambuco (14,1%), Espírito Santo (13,4%) e Mato Grosso (13,3%) registraram os avanços mais intensos.

No acumulado em 12 meses, a produção industrial da Bahia caiu 7,2% e acompanhou o movimento de queda verificado em 14 das 15 regiões pesquisadas. A média nacional ficou em -5,4%. Porém, o ano começou favorável para 12 dos 15 locais mostrando ganho de dinamismo nesse indicador ao apontar redução na queda entre os meses de dezembro e janeiro. Mesmo assim, a indústria baiana, segundo o IBGE, seguiu em sentido contrário e registrou aceleração no ritmo de queda ao lado do Rio Grande do Sul e região Nordeste.

Comentar

%d blogueiros gostam disto: