Salvador
29°
nuvens dispersas
umidade: 66%
vento: 4m/s SL
Máx 28 • Mín 27
Weather from OpenWeatherMap

Serviço de combate ao racismo fez 1,3 mil abordagens no carnaval

Foto: Valter Pontes/SECOM

O serviço de enfrentamento ao racismo no Carnaval de Salvador, prestado pelo governo do Estado, fez cerca de 1.321 abordagens em seis dias de festa, por meio da equipe do Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela.

Os profissionais da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Sepromi) entrevistaram foliões e trabalhadores, principalmente vendedores ambulantes e cordeiros. As pessoas abordadas pela Sepromi, mais de 70% autodeclarados negros, receberam material informativo e orientações sobre procedimentos de denúncia em casos de violação de direitos.

Os números foram divulgados pela titular da pasta, Fabya Reis, no Campo Grande.

As ‘sensibilizações’ ocorreram nos circuitos Osmar, Dodô e Batatinha e também nos carnavais de bairro, a exemplo da Liberdade, Cajazeiras e Nordeste de Amaralina, por meio da Unidade Móvel do Centro Nelson Mandela.

Comentar

%d blogueiros gostam disto: