Salvador
28°
algumas nuvens
umidade: 65%
vento: 6m/s LSL
Máx 28 • Mín 28
Weather from OpenWeatherMap

Médicos programam paralisações dos atendimentos nas UPAs de Salvador

A partir do dia 1º de fevereiro, os médicos das Unidades de Pronto Atendimento (UPA) de Salvador farão paralisações e operações padrão nos atendimentos. A decisão foi tomada em assembleia, no Sindimed, após reunião no Cremeb que discutiu o edital de contratação da Prefeitura através de Regime de Direito Administrativo (Reda).

Desde que foi lançado o edital do município para contratação de novos médicos que o Sindicato questiona as inconsistências do documento. A proposta não apenas abre as portas para a redução do quadro de pessoal – o que acarretaria ainda mais sobrecarga de trabalho -, como também impõe atribuições adicionais aos médicos sem a devida remuneração.

A posição dos gestores levada ao Cremeb, entretanto, continuou irredutível na manutenção das distorções. Entre elas, por exemplo, a atribuição de orientação de estudantes de medicina sem remuneração adicional.

A greve atingirá inicialmente as UPAs Adroaldo Albergaria (Periperi), Hélio Machado (Itapuã) e Rodrigo Argolo (Tancredo Neves), as primeiras, de imediato, afetadas pelo Reda. Caso a Prefeitura não reformule sua proposta aviltante, gradativamente a paralisação se estenderá às demais UPAs do município.

Entramos em contato com a Secretaria Municipal de Saúde mas até o fechamento desta notícia não obtivemos um retorno.

 

Foto: Divulgação

Comentar

%d blogueiros gostam disto: