Salvador
29°
algumas nuvens
umidade: 66%
vento: 6m/s LSL
Máx 29 • Mín 28
Weather from OpenWeatherMap

Otite é mais comum no verão. Confira algumas dicas e saiba como evitá-la

O VIVA BEM desta quarta-feira (24) fala sobre um problema muito comum no verão: a otite. A doença se caracteriza pela inflamação da pele existente antes do tímpano, causada pelo acúmulo de água no canal do ouvido. As otites externas são muito comuns essa época do verão por conta dos banhos de piscinas e praias, e as otites médias são mais comuns nos quadros de infecção de via respiratória em crianças com gripes e resfriados. A otorrinolaringologista Flávia Perrucho falou sobre a inflamação que afeta o ouvido.

Em alguns casos, a otite também pode ser provocada pelo excesso de limpeza nos ouvidos. Segundo a especialista, não se deve estar limpando o ouvido, principalmente com uso de cotonetes. “Não se deve introduzir nada no ouvido, porque a medida que se introduz, além da possibilidade de causar alguma lesão no ouvido e facilitar a otite, você pode empurrar a cera para o fundo do canal auditivo e, dessa forma, ela não vai conseguir ser expulsa pelo organismo e vai se acumular, gerando problemas como sensação de pressão no ouvido e queda da audição. Existe um mito de que a cera é sujeira, mas não é. Ela é um produto produzido pelo organismo para combater os microrganismos e proteger o ouvido contra corpos estranhos e indesejados”, esclarece Flávia.

Ela ainda orienta como deve ser feito a limpeza dos ouvidos e diz quando se deve eliminar a cera do ouvido. “Ela deve ser feita durante o banho, passando o dedo, lavando normal do lado de fora e secando com a toalha após o banho. Somente em alguns casos casos a remoção da cera é recomendada. Por exemplo, quando vamos examinar o paciente e, por algum motivo, é preciso fazer a retirada, ou quando o paciente se queixa de dores de ouvido”, esclarece a otorrinolaringologista.

Para conferir essas e outras dicas, clique aqui.

VIVA BEM vai ao ar de segunda à sexta-feira, às 16h, na Rádio Sociedade da Bahia. Você também pode participar do nosso programa pelo Facebook e Instagram. Faça a sua pergunta através do telefone (71) 3486 3201 ou pelo WhatsApp (71) 9 9656-1025.

Comentar

%d blogueiros gostam disto: