Digite sua busca

Notícias Notícias em destaque Polícia

Roubos em coletivos de Salvador crescem 0,3% no primeiro semestre

Compartilhar

Os roubos a ônibus em Salvador cresceram 0,3% no primeiro semestre deste ano, de acordo com dados fornecidos pelo Sindicato dos Policiais Civis da Bahia (Sindipoc) e divulgados neste sábado (29) pelo jornal Correio. Em oito bairros da capital baiana, o aumento no número de ocorrências, no entanto, ultrapassou a casa dos 50%.

Segundo o presidente da entidade, Eustáquio Lopes, o crescimento dos assaltos dentro de localidades mais afastadas é explicado pelo reforço no policiamento ostensivo nos corredores, vias onde o fluxo de veículos é maior. “Então, os bandidos estão optando pelos bairros mais afastados, onde [o policiamento feito pela PM] é mais reduzido”, explicou à publicação.

O Sindicato dos Rodoviários da Bahia considera que o aumento no número de crimes é evidente, apesar da atuação da Polícia Civil. “O roubo não é setorizado, acontece em toda a cidade, seja bairro periférico ou não. O estado não é garantidor universal e os rodoviários que ficam em perigo. É uma das profissões mais estressantes”, lamentou o diretor jurídico adjunto e advogado da entidade, Pedro Celestino, também ao jornal.

Os dados contabilizados pelo Sindipoc mostram que Pernambués é o bairro com mais ocorrências: 76, entre janeiro e 23 de junho. A região com maior aumento no percentual de ocorrências foi a de Amaralina, com 146,2%, seguida do Caminho das Árvores, com 125%.

Foto: Daniel Brito / Acervo Pessoal

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X