Salvador
28°
nuvens quebrados
umidade: 69%
vento: 5m/s LSL
Máx 28 • Mín 27
Weather from OpenWeatherMap

Quarta-feira é marcada por Superlua, Lua Azul e Lua de Sangue

Foto: NASA’s Goddard Space Flight Center

Uma rara coincidência marca o céu desta quarta-feira (31). Quem olhar para cima poderá testemunhar, no mesmo dia, uma Superlua, uma Lua Azul e uma Lua de Sangue, esta última de um eclipse lunar. A agência espacial americana, Nasa, está chamando essa junção de “Superlua Azul de Sangue” (Super Blue Blood Moon).

Infelizmente, no Brasil o eclipse não será visto, com exceção de algumas localidades do extremo norte do país. Ou seja, a maioria dos brasileiros, vai apenas observar a Lua cheia em seu perigeu, o que se chama de Superlua.

Ele poderá ser visto melhor na América do Norte, Oriente Médio, Ásia, Rússia Oriental, Austrália e Nova Zelândia.

Entenda os fenômenos:

  • Superlua: ocorre quando a Lua está cheia e em seu ponto mais perto da Terra na órbita ao redor do nosso planeta. Esse período é chamado de perigeu, quando o satélite aparece no céu cerca de 14% maior e 30% mais brilhante.
  • Lua Azul: por ser apenas uma referência ao calendário, não tem de fato uma relação com alguma alteração de cor ou aparência do satélite.
  • Eclipse lunar: ocorre quando a Lua passa pela sombra da Terra.
  • Lua de Sangue: durante o eclipse, a Lua não desaparece totalmente da vista, mas adquire uma tonalidade avermelhada.

À agência espanhola EFE, o Instituto de Astrofísica das Ilhas Canárias (IAC, sigla em espanhol) informou que a coincidência da Superlua com um eclipse não acontece desde 1982.

Comentar

%d blogueiros gostam disto: