Digite sua busca

 

 

Brasil

Prefeito de São Paulo, Bruno Covas, começará quimioterapia para tratar câncer

O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), deve começar a quimioterapia para combater um câncer diagnosticado na cárdia, localizada na transição entre estômago e esôfago. O tratamento deve começar entre hoje (28) e terça-feira (29). De acordo o médico Artur Katz, há uma metástase única no fígado. Isso mostra que uma célula cancerígena saiu do estômago e seguiu para o fígado.

Covas pretende continuar no cargo de prefeito. “Ele tem a responsabilidade de ficar no cargo enquanto possível e terá a possibilidade de deixar o cargo se precisar. Amanhã tem uma reunião agendada”

Na manhã de hoje, Covas disse estar confiante que vai vencer os desafios relacionados à sua saúde. Ele foi internado na quarta-feira (23) para o tratamento de uma erisipela que evoluiu para uma trombose venosa em sua perna, tromboembolismo pulmonar no Hospital Sírio-Libanês, na Zona Sul de São Paulo.

Covas está internado no Sírio-Libanês desde a quarta-feira passada, quando foi tratar um quadro de erisipela, doença infecciosa da pele, que, geralmente, atinge os membros inferiores do corpo. Durante os exames complementares, ele foi diagnosticado na sexta (25) com trombose venosa das veias fibulares. Exames subsequentes constataram tromboembolismo pulmonar e um tumor no trato digestivo.

Foto: Agência Brasil

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X