Digite sua busca

 

 

Brasil Justiça Notícias em destaque Política

2ª Turma do STF nega regime semiaberto a Geddel

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou conceder ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (MDB-BA), a progressão de regime para o semiaberto no caso das malas de dinheiro. O julgamento – que aconteceu em plenário virtual – terminou nesta segunda-feira (19).

Ainda no ano passado, a Segunda Turma condenou a Geddel a pena de 14 anos de prisão. Já o ex-deputado federal Lúcio Vieira Lima (MDB-BA), irmão de Geddel, foi condenado a 10 anos pelos crimes de lavagem de dinheiro e associação criminosa.

A condenação está relacionada ao caso dos R$ 51 milhões encontrados em malas de dinheiro e caixas em um apartamento em Salvador (BA), em 2017. Atualmente, Geddel está em prisão domiciliar, por decisão do próprio STF, em razão da pandemia do novo coronavírus.

 Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

Tags: