Digite sua busca

 

 

Notícias

Anatel aprova versão final de edital do 5G

O Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou, em reunião ocorrida nesta sexta-feira (24), a versão final do edital do 5G, a nova geração de internet móvel, e marcou o leilão das faixas de frequência para 4 de novembro. A previsão é que o 5G comece a ser ofertado a partir de julho de 2022 nas capitais dos estados.

No leilão do 5G, serão oferecidas a operadoras de telefonia quatro faixas de frequência: 700 MHz; 2,3 GHz; 3,5 GHz; e 26 GHz. Por meia delas, o serviço de internet de quinta geração será prestado.

As operadoras de telefonia que arrematarem as faixas deverão comprar e instalar os equipamentos necessários para oferecer o serviço aos seus clientes, como as torres de transmissão. Eles ainda deverão investir para cumprir contrapartidas exigidas no edital, são elas:

  • disponibilizar 5G nas capitais do país até julho de 2022;
  • levar internet 4G para as rodovias do país;
  • migrar o sinal da TV parabólica para liberar a faixa de 3,5GHz para o 5G;
  • construir uma rede privativa de comunicação para a administração federal;
  • instalar rede de fibra óptica, via fluvial na região amazônica; e
  • levar internet móvel de qualidade às escolas públicas de educação básica. O plano de conectividade será desenvolvido pelo Ministério da Educação e executado e custeado pelas operadoras vencedoras da faixa de 26GHz.

A construção da rede privativa e instalação de rede de fibra óptica ficará a cargo das empresas vencedoras dos lotes nacionais da faixa de 3,5GHz.

O prazo de direito de exploração das faixas será de até 20 anos. O leilão será dividido entre lotes nacionais e regionais.

Foto: Marcello Casal Jr/ Agência Brasil

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143