Digite sua busca

 

 

Brasil Notícias Notícias em destaque Pandemia

Anvisa aciona PF após homem ameaçar diretores de morte

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) acionou a Polícia Federal para investigar uma ameaça de morte recebida pelos diretores da agência. A ameaça foi enviada por e-mail na quinta-feira (27) e encaminhada para funcionários da Secretaria de Educação e de Saúde do Paraná. A mensagem seria de um pai que se recusa a vacinar o filho.

O homem informa, no e-mail, o nome e CPF, e afirma que irá migrar o filho para o homeschooling, uma modalidade de ensino em casa que não tem aprovação em lei federal.

Ainda de acordo com o autor da mensagem, se houver a aprovação pela Anvisa da vacinação experimental em crianças de 5 a 11 anos, não irá permitir a ida do filho para a escola. “Deixando bem claro para os responsáveis, de cima para baixo: quem ameaçar, quem atentar contra a segurança física do meu filho será morto”, continua.

A Anvisa ainda não ampliou a faixa etária de vacinação contra a Covid-19 para os mais jovens, mas a medida ainda está em análise. Em agosto, a agência barrou a vacinação de crianças e adolescentes com Coronavac por falta de dados. Em novembro, a expectativa é que a Pfizer apresente pedido também para incluir a vacinação de jovens na bula.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143