Digite sua busca

 

 

Brasil Notícias Notícias em destaque Pandemia SAÚDE

Anvisa recebe pedido de uso emergencial de vacina Sinopharm

A empresa Blau Farmacêutica pediu para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária pelo uso emergencial da vacina Sinopharm, contra a Covid-19. A Blau representa a vacina do laboratório chinês no Brasil.

O imunizante ainda não possui contrato com o Ministério da Saúde, mas já teve seu pedido de uso emergencial aprovado pela Organização Mundial da Saúde no início de maio, dando espaço para que a vacina seja distribuída pelo Covax Facility, consórcio mundial que garante acesso mais igualitário a países mais pobres.

Até o momento, as vacinas Pfizer/BioNTech, Oxford/AstraZeneca (lotes da Índia e Europa), Janssen (Johnson & Johnson), Moderna, Sinopharm e Sinovac (CoronaVac) foram as aprovadas para uso emergencial, pela OMS.

A Anvisa terá 7 ou 30 dias para julgar o pedido, esse prazo, contudo, ainda não está determinado. De acordo com a agência, as primeiras 24 horas após o recebimento serão usadas para realizar uma triagem do processo e verificar se os documentos necessários para a avaliação estão disponíveis.

Caso haja a falta de alguma informação, a Anvisa poderá solicitar as questões adicionais ao laboratório e, após isso, determinar o prazo para que a solicitação seja julgada.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143