Digite sua busca

 

 

Bahia Economia Notícias em destaque Salvador Serviço

Aplicativo ‘Preço da Hora Bahia’ traz novidades em nova versão

O aplicativo de pesquisa de preços Preço da Hora Bahia (PHB), do governo do estado, acaba de lançar três novas funcionalidades para seus usuários. As novidades, que já estão disponíveis na nova versão 1.2.128, permitem ao usuário, checar a melhor hora para se deslocar ao estabelecimento escolhido, consultar as ofertas mais atraentes para seus produtos favoritos e pesquisar por faixas de preços.

Em entrevista à Rádio Sociedade, o Diretor de Produção de Informações da Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz-BA), Jadson Bittencourt explicou como funciona, como surgiu, qual o propósito, qual a nova funcionalidade e outras informações sobre o aplicativo Preço da Hora Bahia.

O Preço da Hora Bahia, foi uma iniciativa do governo do estado através da Secretaria da Fazenda para prover a população uma ferramenta que ele possa usar para economizar em suas compras.

“A gente sabe que informação é o mais importante, quando você tem a informação certa, você toma melhores decisões. E as decisões de consumo, se você sabe o preço melhor, sabe onde tem o preço mais baixo, você consegue economizar. E o aplicativo foi criado em abril, mês que vem faz dois anos de lançado, com esse fim, de ajudar a população baiana em todos os municípios, a fazer melhores compras”, declarou Jadson Bittencourt.

O aplicativo vem sendo muito utilizado, é constantemente os usuários vem dando sugestões de melhorias, e umas delas é acelerar o processo de pesquisa dos produtos favoritos, que foi implementado nessa nova versão.

“Para quem ainda não conhece o aplicativo, ele verifica a sua localização pelo GPS do celular e pesquisa a mercadoria ou produto que você quer comprar nas imediações, ou seja, ao redor dos estabelecimentos comerciais onde você está. Você pode fazer uma lista de produtos favoritos, aqueles produtos que você compra atualmente, e você pode mandar cotar aquela lista completa, então 10,15 ou 20 produtos que você marcou como favorito, que ele já faz essa cotação, e ele diz onde aquele produto está mais barato.  É muito parecido com o recurso que já tinha antes, das listas de compras, você pode ter uma lista de medicamentos, lista de produtos de supermercados, e o aplicativo faz a consulta. Lembrando que ele faz isso com base nas informações das notas fiscais emitidas pelo comércio. Não é um cadastro de preços ou um cadastro de produtos não, toda venda que é feita no comércio da Bahia, em que é emitida uma nota fiscal eletrônica, essa informação imediatamente alimenta o ‘Preço da Hora Bahia’ e fica disponível para o consumidor pesquisar. É mais uma razão para o consumidor sempre peça a emissão da nota fiscal no momento da compra”, explicou o gestor da Sefaz-Ba.   

O consumidor e o comerciante não precisam realizar nenhum tipo de cadastro, basta que emitam as notas que cumprem a obrigação tributária, que inicie o documento fiscal e instantaneamente esse documento fica disponível. Se fizermos uma pesquisa agora e procurarmos um determinado alimento ou medicamento, vamos ver notas emitidas minutos atrás, referente a essas compras, porque a atualização nós processamos a cada 5 minutos todas as notas fiscais eletrônicas emitidas no comércio do estado, para dar ao cidadão a informação mais atualizada, o preço mais baixo, do qual aquele produto foi vendido nas últimas 72 horas”, destacou Jadson Bittencourt.

O aplicativo possui mais de 400 mil downloads e mensalmente são mais de 90 mil usuários acessando o aplicativo Preço da Hora Bahia, que pode ser baixado na versão Android ou IOS.

“Nós intensificamos a divulgação e sabemos que com o alcance da Rádio Sociedade, a gente vai conseguir que mais pessoas tomem conhecimento da existência dele, e qualquer município do estado da Bahia pode ser utilizado. Instala muito rapidamente, não precisa senha, não precisa cadastrar nada, e já começa a pesquisar. Esse uso vem sendo ampliado”, afirmou Bittencourt.

A grande novidade do aplicativo na nova versão é a função “Melhor Hora”, que informa através de um gráfico o movimento do supermercado ao longo do dia para que o consumidor possa se planejar e ir ao estabelecimento no horário que tem menos movimento, evitando filas e aglomerações. Essa informação relacionada ao movimento de cada estabelecimento é extraída das notas fiscais emitidas no momento. Se houver uma grande quantidade de emissão de notas fiscais, o gráfico irá mostrar em vermelho, informando uma grande quantidade de pessoas no supermercado, já o horário que estiver menos notas fiscais estará no gráfico na cor verde, que indica o fluxo menor de clientes no local.

Foto: Ascom / Sefaz-BA

Tags: