Digite sua busca

 

 

Bahia Cidades Notícias em destaque Polícia Política

Após ser detido pela Polícia Federal com arma sem registro, prefeito de Candeias é liberado

Foto: Divulgação/PF

O prefeito de Candeias, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), Dr. Pitágoras (PP), foi liberado após ser detido durante operação da Polícia Federal na manhã desta sexta-feira (11). A informação da liberação partiu da própria assessoria do político.  A prisão ocorreu durante a Operação Estertor, da Polícia Federal (PF), que investiga desvios de verbas públicas de enfrentamento à Covid-19.

“Houve apenas a detenção, por conta de uma espingarda que foi uma herança dos antepassados, estava na casa dele, mas ele guardava apenas como colecionador. Tanto é que não tinha munição”, explicou a assessoria.

Os mandados de busca e apreensão cumpridos na manhã desta sexta se referem a uma suspeita de fraudes em procedimento de dispensa de licitação realizado pelo município de Candeias para a aquisição de oito respiradores. As ordens foram cumpridas na Secretaria de Saúde do município e na residência do prefeito. Em nota, a assessoria informou que a ação se refere a fatos ocorridos durante a gestão da primeira-dama, Soraia Cabral, como secretária de Saúde, o que justifica as buscas na casa do gestor.

O prefeito não era o alvo pessoal da operação deflagrada pela Polícia Federal no município, na manhã de hoje. No entanto, ele foi detido após os agentes encontrarem uma espingarda Winchester, de colecionador, sem registro, na residência dele.

Foto: Divulgação/PF

Tags:

Leia também