Digite sua busca

 

 

Notícias

Aras vai ao Amazonas acompanhar caso Dom e Bruno

O procurador-geral da República (PGR), Augusto Aras irá a Tabatinga, no Amazonas, neste domingo (19), acompanhar os desdobramentos da investigação sobre o assassinato do indigenista brasileiro Bruno Pereira e do jornalista britânico Dom Phillips.

Além de Aras, a comitiva contará com Eliana Torelly, coordenadora da Câmara de Populações Indígenas e Comunidades Tradicionais; Carlos Frederico, coordenador da Câmara do MPF; e Carlos Alberto Vilhena, procurador federal dos Direitos do Cidadão.

Em nota a PGR informou que terá reuniões com autoridades responsáveis pela investigação do duplo assassinato.

“O objetivo é discutir medidas e ações de restruturação da atuação institucional na região amazônica, bem como ampliar a articulação do MPF com outros órgãos públicos com vistas ao combate à macrocriminalidade e ao enfrentamento de violações aos direitos indígenas, direitos humanos e outros crimes registrados na região”, diz um trecho do documento.

Dom e Bruno estavam desaparecidos desde 5 de junho. Parte dos restos mortais foram encontrados pela polícia.

Foto: Marcelo Camargo | Agência Brasil