Digite sua busca

 

 

Bahia Cidades Notícias em destaque SAÚDE Serviço

Banco de Leite Humano do HEC completa dois anos e necessita de doações

O Banco de Leite Humano (BLH) do Hospital Estadual da Criança (HEC) completa dois anos e necessita de doações para atender à demanda da unidade. No estoque, só há leite disponível para mais 13 dias.

Segundo dados do setor, nesses dois anos, mais de 1.500 litros de leite já foram doados. Há mais de 2.600 doadoras cadastradas e 1.300 bebês já foram beneficiados pela iniciativa.

Fundamental para o crescimento e desenvolvimento das crianças entre 0 a 6 meses de vida, o leite materno é um alimento completo, além de auxiliar na prevenção de muitas doenças.

“É importante reforçar a sensibilização em torno das doações de leite materno, para que os bancos de leite possam conseguir aumentar o volume de leite materno coletado, e consequentemente, aumentar o volume distribuído para os recém-nascidos prematuros de baixo peso internados nas UTI´s neonatais”, ressalta a coordenadora do BLH, Wanessa Ribeiro.

O Banco de Leite do HEC foi inaugurado durante a pandemia. Está localizado no térreo, ao lado da recepção geral do hospital, para melhorar o atendimento de todas as mulheres que estejam precisando de apoio em relação à amamentação, que estejam com alguma dificuldade para amamentar ou até que tenham uma produção excessiva de leite e queiram fazer a doação.

As mulheres que tenham interesse em atendimento e/ou contribuir com o BLH do HEC podem se dirigir à unidade, das 7h às 19h, todos os dias da semana (incluindo os sábados e domingos), ou entrar em contato pelo (75) 3602-0630 ou (75) 9 9164-0217 para receber orientações de como deve ser feita a doação.

É preciso ressaltar que o leite materno deve ser colocado apenas em recipientes de vidro com tampa plástica.

O BLH é abastecido com o serviço da Rota (coleta domiciliar), realizado também conforme o protocolo de combate à Covid-19. Em média, por dia, são atendidas 24 doadoras e realizadas oito coletas domiciliares que são encaminhadas para o HEC – uma unidade do Governo do Estado da Bahia gerida pela Liga Álvaro Bahia (mantenedora do Hospital Martagão Gesteira).

Com informações de Elsimar Pondé, correspondente da Rádio Sociedade em Feira de Santana.

Foto: Divulgação / Ascom

Tags:

Leia também