Digite sua busca

 

 

Brasil Notícias Notícias em destaque Política

Bolsonaro decreta aposentadoria de Marco Aurélio e deixa André Mendonça mais perto do STF

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) publicou o decreto de aposentadoria do ministro Marco Aurélio, do STF (Supremo Tribunal Federal), nesta sexta-feira (9). Com isso, o atual advogado-geral da União, André Mendonça, indicado pelo chefe do Executivo para ocupar o cargo, está mais próximo da vaga.

De acordo com a determinação, a aposentadoria de Aurélio tem efeito a partir do dia 12 de julho, quando o magistrado completa 75 anos, que é a idade da aposentadoria compulsória.

Bolsonaro já havia confirmado sua intenção de designar Mendonça à corte. Agora, a indicação precisa ser aprovada pelo Senado em meio à resistência de alguns políticos, que relembram o histórico do advogado no Ministério da Justiça, quando ele pediu que a Polícia Federal investigasse jornalistas e opositores do governo com base na Lei de Segurança Nacional.

Foto: Carlos Moura/SCO/STF

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143