Digite sua busca

 

 

Notícias Notícias em destaque

Bolsonaro volta a criticar Alcolumbre por demora da sabatina de Mendonça

O presidente Jair Bolsonaro voltou a criticar o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP), presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), pela lentidão em marcar a sabatina do ex-ministro André Mendonça, postulante à cadeira do Supremo Tribunal Federal (STF). A declaração foi feita na manhã desta quinta-feira (25), durante entrevista à Rádio Sociedade.

“André Mendonça não está lá só por ser evangélico. Tem um conhecimento jurídico enorme. Não sei o que se passa pela cabeça de Alcolumbre. Sempre defendi ele nos interesses do seu estado [Amapá]. Não entendo, até hoje, porquê dessa demora. A média dos últimos anos era de 20 dias para ser sabatinado”, disse o chefe do executivo.

Ontem (24), em audiência na CCJ, Davi Alcolumbre (DEM-AP), anunciou que vai pautar para a próxima semana a sabatina de Mendonça. E usou o twitter, para alfinetar os congressistas da base do governo, que estavam fazendo constantes cobranças.

“É prerrogativa dos presidentes de comissões a definição da pauta das reuniões. O próprio STF reconheceu a legitimidade de nossa atuação e reafirmou essa autonomia, não suscetível de interferência, em atenção ao princípio da separação e harmonia dos poderes”, disse o presidente da CCJ do Senado.

Foto: Divulgação


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143