Digite sua busca

 

 

Notícias em destaque SAÚDE

Coronavírus: Coreia do Sul tem 4.812 infectados e 600 novos casos

Da Agência Brasil

Além de 2.943 mortos na China, houve óbitos no Irã, Itália, Coreia do Sul, Japão, França, Hong Kong, Taiwan, Austrália, Tailândia, Estados Unidos da América, San Marino e Filipinas.

As autoridades de saúde da Coreia do Sul anunciaram hoje (3) 600 novos casos de contaminação pelo novo coronavírus, elevando para 4.812 as pessoas infectadas no país, onde já morreram 28 pacientes.

Os números divulgados pelo Centro de Controle e Prevenção de Doenças Contagiosas da Coreia (KCDC) calculam todos os casos que ocorreram entre meia-noite de domingo e segunda-feira (2), quando foram registradas seis novas mortes.

A cidade de Daegu e a província vizinha de Gyeongsang do Norte, o epicentro do surto no país, ficaram com a grande maioria dos novos casos, 580 dos 600 em todo o país.
Essa região tem um total de 4.285 infecções, 89% de todas as que ocorreram na Coreia do Sul desde que o vírus foi detectado no país no dia 20 de janeiro.

Cerca de 60% das infecções em todo o território nacional estão ligadas à seita cristã Shincheonji, cuja sede é em Daegu, onde foram realizadas várias missas no início de fevereiro.

Para combater a saturação da saúde na região sudeste, o governo sul-coreano começou a classificar os novos infectados em quatro grupos, a fim de diferenciar entre as condições clínicas mais e menos graves e, assim, priorizar a hospitalização dos casos mais graves.

No resto do país, apenas 20 casos foram detectados na segunda-feira, e Seul foi a área com mais ocorrências: sete.

Até meia-noite da segunda-feira, o KCDC mantinha 35.555 pessoas em quarentena, aguardando resultados.

Mais de 3.100 mortes em 70 países

O surto de Covid-19, que pode causar infecções respiratórias como pneumonia, provocou mais de 3.100 mortes e infectou mais de 90.300 pessoas em 70 países e territórios, incluindo duas em Portugal.

Das pessoas afetadas, 48 mil se recuperaram, segundo autoridades de saúde de vários países. Além de 2.943 mortos na China, onde o surto foi detectado em dezembro, há registro de mortes no Irã, Itália, Coreia do Sul, Japão, França, Hong Kong, Taiwan, Austrália, Tailândia, Estados Unidos da América, San Marino e Filipinas.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou o surto de Covid-19 como uma emergência de saúde pública internacional de risco “muito elevado”.

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X