Digite sua busca

 

 

Bahia Cidades Notícias em destaque Salvador SAÚDE

Covid-19: Segundo dia de vacinação de profissionais de saúde em drive thru é marcado por longas filas

Paciência é a palavra de ordem para quem precisa enfrentar as longas filas nos três pontos destinados à imunização contra Covid-19 dos profissionais de saúde em esquema de atendimento drive thru. O segundo dia de vacinação dos trabalhadores contemplados nesta etapa da campanha é de espera que já dura mais de três horas.

Na Arena Fonte Nova, localizada no bairro de Nazaré, em Salvador, já havia registro de movimentação de veículos desde a madrugada desta sexta-feira (29) e fila ultrapassa a região do Aquidabã.

Para garantir a imunização ainda nas primeiras horas desta manhã, muitos trabalhadores contaram com a solidariedade de amigos, família e de clientes. Foi o caso do taxista João Adorno, que chegou no posto de vacinação da Arena às 4h20 para guardar o lugar de uma passageira que estava finalizando um plantão médico –“Estou aqui na luta para a cliente conseguir se vacinar”.

Imagem: João Adorno

De acordo com o motorista, a decisão da cliente de retornar ao ponto de vacinação ainda na madrugada foi tomada após atendimento ter sido interrompido antes do horário previsto, na última quinta-feira (28), em virtude da transmissão da partida do jogo do Bahia, às 19h.

“Estou aqui desde às 4h20 da manhã, depois daquela atrapalhada da Secretaria Municipal de Saúde com a Prefeitura de encerrar a vacinação sem avisar a quem estava na fila. Depois de quatro horas de fila, a vacinação encerrou do nada”, concluiu.

Além da Arena Fonte Nova, os profissionais de saúde também poderão realizar a imunização no novo Centro de Convenções, na Boca do Rio e no 5º Centro de Saúde Clementino Fraga, na Avenida Centenário, até o próximo domingo (31), das 8h às 20h.

Os trabalhadores podem consultar a lista de habilitados por meio do site da Secretaria Municipal de Saúde. Apenas os profissionais ligados às unidades hospitalares listadas serão imunizadas nesta campanha. A apresentação de documento oficial com foto será obrigatório.

Foto: Ouvinte Rádio Sociedade