Digite sua busca

 

 

Bahia Brasil Destaque Notícias em destaque Pandemia Salvador SAÚDE

Cremeb divulga nota apoiando e estimulando o uso de vacina para combater Covid-19

E meio a denúncias de médicos baianos que desdenham da pandemia do Covid-19 e negam a vacina como instrumento de combate a doença, o Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb) divulgou neste sábado (16) uma nota favorável a ampla vacinação da população como estratégia de imunização da população.

No texto, a entidade salienta que: “A vacinação provou ser incontestavelmente o método mais seguro e eficaz para o combate, controle e erradicação de doenças contagiosas, em especial das infecções virais. Doenças que durante séculos ceifaram vidas preciosas foram derrotadas e deixaram de produzir entre nós mortandade e sequelas graves.”

Confira abaixo a nota do Cremeb na íntegra:

O Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb), no ensejo das medidas preparatórias do combate a pandemia da Covid-19 através de ampla vacinação da população, acha oportuno se manifestar favoravelmente a essa estratégia.

A vacinação provou ser incontestavelmente o método mais seguro e eficaz para o combate, controle e erradicação de doenças contagiosas, em especial das infecções virais. Doenças que durante séculos ceifaram vidas preciosas foram derrotadas e deixaram de produzir entre nós mortandade e sequelas graves. Isso redundou, inclusive, em seres humanos mais longevos e produtivos.

O Brasil, por várias décadas tem dado exemplo ao mundo fazendo a vacinação sistemática de sua população e com isto reduzindo as doenças virais a números ínfimos ou conseguindo a completa erradicação, como tem sido o caso da varíola, inicialmente, e mais tarde com a poliomielite, o sarampo e outras. Causa-nos, no entanto, preocupação que nos últimos anos tenha havido redução da cobertura vacinal destas doenças – o que tem feito reaparecer casos de sarampo, por exemplo, que há muito não víamos e teme-se por outras doenças dado a certo descuido equivocado dos que, por estarmos sem casos ativos, relaxam nestas medidas.

Na situação presente não será diferente o resultado positivo quando tivermos uma vacina ou vacinas, devidamente aprovadas pelos órgãos controladores quanto a sua eficácia e segurança, à disposição de todos. É a vacinação sistemática e do maior número de pessoas que possibilitará o controle da doença, a proteção dos mais vulneráveis e o retorno à normalidade da nossa vida social e econômica.

Obviamente que sabemos que não será em curto espaço de tempo que teremos toda a população vacinada, o que nos impõe a manter os cuidados do distanciamento social, uso sistemático de máscaras e a higiene criteriosa das mãos com água e sabão e/ou álcool em gel.

A discussão neste momento deve ser sobre solidariedade e espirito comunitário de todos, visando o bem comum. A vacinação e as medidas de higiene são um esforço coletivo, não um remédio individual.

Conclamamos os médicos e a população em geral para participar desse movimento coletivo visando controlar e/ou eliminar a doença e a circulação do coronavírus causador da Covid-19 com a ajuda da vacinação, tendo em mente que esse esforço redundará – como comprovadamente tem acontecido em outras doenças -, no benefício de todos.


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143