Digite sua busca

 

 

Brasil Notícias em destaque Polícia

Em ação parecida com a que ocorreu em Criciúma, Quadrilha toma ruas e assalta bancos em Cametá, no Pará

Na cidade de Cametá (PA), 235 quilômetros de distância da capital, Belém, tiveram suas ruas tomadas no começo da madrugada desta quarta-feira (2), durante assaltos a bancos. Nas redes sociais moradores relataram momentos de terror durante a noite. Ainda não se sabe o que foi levado.

Ao menos duas agências bancárias foram atacadas. Uma, do Banco do Brasil, localizada no prédio da Câmara dos Vereadores e ficou destruída Banpará, o banco estadual. Por volta de 1h30 os bandidos deixaram a cidade. Em informações preliminares da PM, o grupo usou de carros e barcos para a fugir, já que a cidade fica às margens do Rio Tocantins.

Assim como na ação registrada em Criciúma, no Sul de Santa Catarina, onde um grupo criminoso fez ataques pelo município em ação para assaltar uma agência bancária, na madrugada desta terça (1), um quartel da Polícia Militar (PM) também foi atacado na ação de ontem no Pará, afim de impedir saída dos policiais.

Além de usar reféns como escudos para se locomover pelas ruas da cidade. As pessoas foram capturadas em bares. Os criminosos atiraram para cima durante mais de uma hora. O grupo usou armas de alto calibre e explosivos, assim como ocorreu na cidade catarinense.

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado do Pará (Segup) “desde o momento que foi confirmado sobre o assalto a uma agência bancária no município de Cametá, equipes do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), das Rondas Ostensivas Táticas Metropolitanas (Rotam), do Batalhão de Ações de Cães (Bac), da Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais (CORE) e duas aeronaves do Grupamento Aéreo de Segurança Pública do Pará (Graesp) se deslocaram para dar apoio no município”.

Imagens: Reprodução / Redes Sociais


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143