Digite sua busca

 

 

Brasil Educação Notícias Notícias em destaque Política Serviço

Enem 2021 tem menor número de inscritos em 13 anos

O Enem 2021 bateu recorde de baixo número de inscritos em 13 anos, com 4 milhões de inscrições. O número representa um recuo de 44% em relação ao número de pessoas interessadas em realizar o exame no ano passado. Apenas em 2008, antes de o Enem ser transformado em um vestibular nacional, houve menos inscritos do que neste ano.

De acordo com integrantes do governo federal ouvidos pelo jornal Folha de S. Paulo, a queda nas inscrições se dá por conta da ausência de uma política do governo para garantir a isenção a quem faltou na última edição por medo de se infectar na pandemia ou por estarem, justamente, doentes pela Covid-19. Ainda houve casos em que candidatos foram barrados de fazer a prova devido a salas superlotadas. No Enem 2020, houve abstenção recorde e mais da metade dos 5,8 milhões de inscritos faltou.

A queda ainda impacta na exclusão de estudantes mais pobres, que não têm condições de pagar a taxa de participação, de R$ 85. A Defensoria Pública chegou a ingressar com ação judicial para tentar garantir a isenção para os faltosos e o tema mobilizou parlamentares. O deputado Idilvan Alencar (PDT-CE) apresentou projeto de lei com essa previsão, com o entendimento de que estudantes pobres, ausentes em decorrência da pandemia, não conseguiriam pagar a taxa de inscrição. O governo federal, contudo, conseguiu manter o veto de isenção aos faltosos.

O valor pode ser pago até o dia 19 de julho, mas como muitos inscritos não pagam a taxa, o número final de participantes deve ser ainda menor. As inscrições foram abertas em 30 de junho e se encerram nesta quarta-feira (14). As provas estão previstas para 21 e 28 de novembro.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143