Digite sua busca

 

 

Bahia Notícias em destaque Salvador Serviço Transporte

Ex-funcionários da extinta CSN protestam na Estação da Lapa

Os ex-funcionários da extinta Concessionária Salvador Norte (CSN), realizam protesto nesta quarta-feira (13) bloqueando a saída da Estação da Lapa. A empresa de ônibus que atendia a bacia C da capital baiana encerrou as atividades declarando falência.

O motivo do protesto é que os ex-funcionários estão sem receber as suas verbas trabalhistas e rescisórias. Ainda de acordo com os rodoviários o terreno da empresa que foi vendido, seria para pagar uma dívida com o banco e os seus funcionários. Eles alegam também que teriam uma reunião na manhã desta quarta-feira (13) com o prefeito Bruno Reis, e não ocorreu. A Guarda Municipal está no local.

Segundo eles, os terrenos já foram vendidos, a dívida com o banco já foi quitada, porém o valor dos funcionários até o momento não foi pago. Os trabalhadores dizem que estão passando fome e pedem a volta das negociações.

A prefeitura de Salvador realizou intervenção na CSN em junho de 2020, por irregularidades no contrato. Com isso, 2,8 mil funcionários da empresa foram contratados via Reda pela prefeitura. Já em março de 2021, o contrato foi rescindido e as outras duas empresas assumiram as linhas. E segundo o Sindicato dos Rodoviários cerca de 800 deles não foram reaproveitados, ficando desempregados.

A Coordenadoria de Execução e Expropriação (CEE) do Tribunal Regional da 5ª Região (TRT) já publicou edital referente à alienação judicial por iniciativa particular para a venda de dois terrenos pertencentes ao grupo Transportes Urbanos SPE (CSN). Situados no bairro Granjas Rurais Presidente Vargas, em Salvador. A área total dos dois imóveis é de 12.277m².

Fotos: Reprodução / Record TV Itapoan

Tags:

Leia também