Digite sua busca

 

 

Bahia Cidades Economia Entretenimento Notícias em destaque Salvador Serviço

Feira de Negócios vai divulgar Produtos Gourmet, Artesanais e da Agropecuária Baiana

Chocolate, café, cachaça e queijo e mais uma variedade de itens de qualidade têm a marca da Bahia e precisam ser mais conhecidos pelos turistas. Esta é uma das propostas da Origem Week, feira de negócios de produtos gourmet e artesanato baianos, apresentada pelos organizadores, na quinta-feira (19), na Secretaria de Turismo do Estado (Setur-BA), em Salvador.

O evento acontecerá de 9 a 12 de junho, no Centro de Convenções, na Boca do Rio, com o apoio do Governo do Estado, por meio da Setur-BA e das secretarias da Agricultura (Seagri), de Desenvolvimento Rural (SDR) e do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre).

Segundo a Setur, a feira vai divulgar 250 marcas da produção agropecuária da Bahia, com destaque para a agricultura familiar. O objetivo é gerar a comercialização e empregos, atraindo investidores.

Uma das ações é o incentivo à utilização de produtos genuinamente baianos por empreendimentos turísticos, como hotéis, equipamentos de lazer e espaços gastronômicos.

“A ideia é associar os produtos às 13 zonas turísticas do estado. Será uma espécie de cardápio com selo de originalidade, para oferecer aos visitantes novas experiências, aumentar as vendas dos produtores e gerar novos empregos”, explicou o titular da Setur-BA, Maurício Bacelar.

A feira será palco também da primeira edição do Festival Internacional Chocolat Salvador.

“O chocolate fortaleceu o turismo gastronômico na Costa do Cacau, inclusive com premiação no exterior. Mostraremos as potencialidades de negócios na região, com a exposição de vários produtos derivados do cacau”, ressaltou o coordenador da Origem Week, Rodrigo Vidigal.

Com informações de Dalmir Campos, correspondente da Rádio Sociedade em Juazeiro.

Foto: Divulgação

Tags: