Digite sua busca

 

 

Notícias Notícias em destaque

Flordelis passa mal e é internada no Rio, após overdose de medicamento

Após ser afastada das suas funções parlamentares pela Justiça, a deputada Flordelis (PSD-RJ) passou mal ontem (23) e precisou ser internada num hospital na região metropolitana do Rio de Janeiro, após consumo excessivo de medicamentos.

A informação da overdose de remédios foi passada pela própria assessoria da parlamentar, através de nota oficial, mas não comentou nada em relação a tentativa de suicídio especulada nas redes sociais.

“A internação se deu pelo o excesso de medicação tomada após a injusta decisão do pedido de seu afastamento do mandato de Deputada Federal, com a justificativa que atrapalharia as investigações, que pasmem, encerraram em sua primeira fase, não cabendo, portanto, nenhuma possibilidade de utilização de seu cargo para prejudicar o processo”, diz um trecho na nota.

A 2ª Câmara Criminal, por unanimidade, julgou favorável na terça-feira (23) o recurso do Ministério Público do Estado (MPE) que pede o afastamento da deputada Flordelis da função parlamentar. No mesmo dia, a Conselho de Ética da Câmara dos Deputados instaurou um processo administrativo contra a deputada no Conselho de Ética.

A decisão da justiça será encaminhada à Câmara, que decidirá se manterá ou não o afastamento da congressista, que poderá ter duração de até um ano, caso opte pela manutenção da decisão do tribunal. Flordelis é acusada de ser mandante do assassinato do próprio marido, o pastor Anderson do Carmo. 

Leia na íntegra a nota da assessoria da Deputada Flordelis

“O artigo quinto da Constituição Brasileira, garante a todos os cidadãos e cidadãs o legítimo direito a ampla defesa, respeitar a Constituição é um dever de todos e todas que se consideram democráticos e patrióticos.

A Deputada Flordelis vem sofrendo um linchamento público, antes mesmo do fim da primeira fase do processo que investiga a morte de seu marido, o Pastor Anderson do Carmo, ela vem sendo condenada e humilhada perante a opinião pública, sem nenhum direito de defesa.

Flordelis é inocente, nenhuma prova foi revelada contra ela e na última audiência suas filhas além de assumirem a autoria do crime também negaram a participação ou ciência da Deputada. Porém, a despeito dos fatos, convicções estão sentenciando o destino de uma mulher integra, honesta, de origem periférica e que tem sua história pautada na defesa da vida.

Ontem (23/2/2021), por volta das 19h30 a Deputada deu entrada na emergência do Hospital Niterói Dor em Icaraí, sendo encaminhada para o CTI onde se encontra até o momento

A internação se deu pelo o excesso de medicação tomada após a injusta decisão do pedido de seu afastamento do mandato de Deputada Federal, com a justificativa que atrapalharia as investigações, que pasmem, encerraram em sua primeira fase, não cabendo, portanto, nenhuma possibilidade de utilização de seu cargo para prejudicar o processo.

A expectativa de familiares e amigos é que a Deputada possa estar restabelecida e fora do CTI em breve e que tenha o seu amplo e irrestrito direito de defesa garantido, como prevê a lei.”

Leia também

TJRJ decide suspender deputada Flordelis de suas atividades

Mesa da Câmara decide enviar caso Flordelis para Conselho de Ética

Justiça nega pedido de liberdade para três filhos de Flordelis

Justiça aguarda Flordelis para colocar tornozeleira eletrônica

Polícia faz buscas e apreensões em endereços de Flordelis

Filha de Flordelis era amante de Anderson, diz mãe do pastor

Justiça decreta prisão preventiva de dois filhos de Flordelis

Filhos da deputada Flordelis fazem ato em homenagem ao pastor Anderson

Foto: Reprodução | Youtube

Tags: