Digite sua busca

 

 

Bahia Cidades Salvador

Governo do Estado decreta situação de emergência em nove municípios da Bahia

Após fortes chuvas que atingiram o estado, o governo decretou situação de emergência em nove municípios baianos. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) desta quarta-feira (4) e terá validade de 90 dias.

Na última terça-feira (3), sete cidades emitiram sinal de alerta emergencial e estado de calamidade pública. Entre as localidades mais afetadas pela alteração climática, destaque para Itabuna, Ibicuí, Irecê, Ibicaraí, Guaraci, Almadina, João Dourado; os municípios de Coaraci e Lapão também registraram ocorrências de alagamentos e desalojamento de famílias em decorrência das chuvas e estão entre as nove cidades mais atingidas.

De acordo com o decreto, em virtude do atual cenário e levando em consideração que as chuvas intensas têm provocado danos às atividades econômicas e à população de diversos municípios, fica autorizado a mobilização de todos os órgãos estaduais, no âmbito das suas competências, para envidar esforços no intuito de apoiar as ações de resposta ao desastre, reabilitação do cenário e reconstrução.

Durante a tarde desta terça-feira (3), o Corpo de Bombeiros divulgou uma campanha para arrecadar alimentos não perecíveis, roupas em bom estado de conservação e água para as famílias vítimas das chuvas.

“Como serão levados para as cidades mais atingidas do interior, é imprescindível que as pessoas observem os prazos de validade, se estiverem muito próximos do vencimento não é aconselhável que sejam entregues nas nossas unidades. Com isso, queremos minimizar o sofrimento daquelas pessoas que perderam bens materiais com a precipitação”, explicou, em nota, o comandante-geral do CBMBA, coronel BM Francisco Telles.

Ainda segundo as equipes da CBMBA, o objetivo é que os donativos sejam entregues o quanto antes. As equipes do CBMBA já estão atuando em cidades como Itabuna, Irecê, Vitória da Conquista e Rio de Contas, cidades mais atingidas pelo alto índice pluviométrico. Os trabalhos acontecem em conjunto com as defesas civis municipais.

Foto: Divulgação|Prefeitura de Almadina

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X