Digite sua busca

 

 

Bahia Cidades Diversos Notícias Salvador

Instituto Social da Bahia (Isba) anuncia encerramento de atividades no final de 2020

Após 56 anos de atividades pedagógicas, o Instituto Social da Bahia (ISBA), uma das escolas mais tradicionais da capital baiana, anunciou na tarde desta quinta-feira (22) o fechamento da unidade de Educação Básica no final deste ano letivo.

De acordo com a mantenedora do colégio, a Associação Brasileira de Educação Familiar e Social (ABEFS), a crise econômica e social do país, agravada pelo atual cenário de pandemia do novo coronavírus impuseram a ressignificação de instituições como o Isba.

Foto: Divulgação|Redes Sociais

“Ciente desta nova conjuntura, Associação Brasileira de Educação Familiar e Social tem redimensionado estrategicamente sua atuação no Brasil. Agora, a entidade resolveu encerrar seu trabalho com Educação Básica no final de 2020”, acrescentou.

Em nota publicada no perfil oficial do Instituto no Instagram e enviado à comunidade acadêmica, o Isba agradeceu aos estudantes, ex-alunos, famílias, colaboradores e parceiros que fizeram parte da história do colégio e declarou ter elaborado Plano de Ações que prevê a integralização da carga horária prevista para o ano letivo de 2020, manutenção do atendimento às famílias e aos discentes até dezembro de 2021, garantia dos direitos trabalhistas e cumprimento dos compromissos firmados com parceiros comerciais e acadêmicos.

Foto: Reprodução

Nas redes sociais, alunos e ex-alunos se mostraram surpresos com a notícia e compartilharam depoimentos emocionados lamentando a decisão.

“Minha percepção era que o ISBA tinha um compromisso diferente com seus alunos, preparava para a vida, formava cidadãos e provocava a serem formadores de opinião. Fica o seu legado na participação da vida escolar de muitas pessoas, na formação de muitos profissionais. Na minha, fica ainda um carinho especial por ter sido a extensão da minha casa e pelas minhas melhores amizades”, disse Hilda Falcão, ex-aluna do ensino fundamental e ensino médio.

“Só de lembrar todos os anos que vivi no ISBA, meu coração transborda gratidão. Desde muito nova aprendi ali a seguir o caminho da honestidade, solidariedade e sobretudo, a valorizar às amizades. O colégio era a nossa casa; os colegas e funcionários eram nossa família. Era uma alegria estar ali todos os dias. Impossível não receber com tristeza essa notícia, mas ficam as lembranças dos melhores anos da minha formação e da minha vida”, contou Lorena Lemos.

“Lembro da primeira vez que entrei no Isba, vindo de colégio pequeno. Entrei na quinta série. Primeiro dia fui sendo empurrado por uma multidão e fui subindo as escadas do prédio do Isba, até minha primeira sala. Era um mundo novo e, na verdade, o mundo, para mim. Lá fui feliz por 7 anos e, até hoje, sonho com aqueles vários corredores. Para mim, o Isba cumpriu sua missão”, lembrou com saudosismo, Gabriel Amorim.

Por fim, a Abefs informou ainda, que o Centro Universitário e Teatro ISBA, também administrados pela mantenedora terão suas atividades mantidas.

Foto: Divulgação|Isba

    
 WhatsApp