Digite sua busca

 

 

Sem categoria

Justiça determina suspensão da greve dos professores em Salvador

O Tribunal da Justiça da Bahia determinou nesta sexta-feira (27) a suspensão da greve dos professores da rede municipal de Salvador. De acordo com a prefeitura, o TJ-BA pediu ainda o retorno imediado dos profissionais às salas de aula.

Em contato com o Sociedade Online, Rui Oliveira, coordenador-geral da Associação dos Professores Licenciados do Brasil (APBL), informou que a categoria ainda não foi notificada para se manifestar judicialmente. No entanto, ele garante que após notificação, o sindicato vai recorrer a decisão.

Em assembleia realizada nesta sexta-feira (27), no Ginásio de Esportes dos Bancários, os professores decidiram manter a greve. A decisão ainda proíbe que a APLB – Sindicato dos Professores faça bloqueios para impedir o acesso de servidores às repartições públicas e escolas.

“Observa-se que a greve deflagrada pelo Demandado possui claros indícios de ilegalidade e abusividade, especialmente porque ocasiona enormes prejuízos para os administrados, que se veem privados dos serviços educacionais, além de sofrerem com a falta de alimentação de alunos, através do fornecimento de merenda escolar, dentre outras dificuldades enfrentadas pelos discentes e seus familiares, em virtude do não cumprimento do calendário letivo”, diz um trecho da decisão. A multa em caso de descumprimento é de R$ 20 mil por dia.

 Foto: Divulgação/APLB