Digite sua busca

 

 

Bahia Brasil Notícias Notícias em destaque Salvador

Lady Driver: Conheça o aplicativo de mobilidade que conecta passageiras a motoristas mulheres

Quem precisa utilizar aplicativos para transporte particular urbano, tem buscado não somente o conforto, mas a segurança. Embora o mercado de mobilidade esteja crescendo, o número de mulheres tanto passageiras quanto motorista ainda é muito reduzido.

Pensando nisto, o Lady Driver, a primeira empresa do Brasil a criar um aplicativo que conecta passageiras a motoristas mulheres, busca trazer igualdade de gênero e segurança para aquelas que precisarem se locomover.

Fundado em 2017 na capital paulista, o aplicativo já está em processo de implantação em Salvador e futuramente também ficará disponível na região metropolitana como Lauro de Freitas, Camaçari, Mata de São João e Simões Filho.

Em entrevista realizada na manhã de hoje (17) ao Balanço Geral, a embaixadora Lady Driver na capital baiana, Adriana Barreiro, contou que a previsão para funcionamento em Salvador será no final de novembro e explicou como a plataforma vai funcionar.

“A proposta é proporcionar segurança e diminuir o risco de assédio, além de disponibilizar um sistema criterioso de cadastramento através da validação de CPF, que é um grande diferencial dos outros aplicativos de mobilidade”, informa.

A expectativa é de cadastrar no mínimo 300 mil motoristas até o final do ano e cerca de 1,5 milhão de passageiros na capital baiana. Ainda de acordo com a embaixadora, o cálculo da corrida terá um valor parecido ao de outros aplicativos.

“O diferencial na Lady Driver para as mulheres é a flexibilidade e segurança. As motoristas terão a possibilidade de ganhar 20% a mais do que uma categoria elite de um aplicativo similar. Então, a questão do preço dinâmico é parecido ao que tem ocorrido no mercado e outras plataformas, porém com uma porcentagem maior”, explica.

Quem tiver interesse em ser uma motorista, basta baixar o aplicativo Lady Driver, realizar o cadastramento e enviar a documentação necessária. No prazo de 48 horas o acesso é liberado. É preciso que o carro não tenha mais de oito anos, possua ar condicionado e quatro portas.

FOTO: Fernanda Moretto 

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143