Digite sua busca

 

 

Brasil Economia Notícias em destaque Política

Mais de 7 milhões de pessoas receberam indevidamente o auxílio emergencial

Ao menos 7,3 milhões de pessoas receberam, juntas, R$ 54 bilhões de auxílio emergencial pago indevidamente, segundo o Tribunal de Contas da União (TCU).

O balanço de fiscalização foi divulgado em um momento em que o Congresso e o governo discutem como viabilizar a volta do auxílio emergencial. As informações são da Agência Senado.

Segundo o TCU, os pagamentos com irregularidades foram causados pela falta de uma base de dados completa desde o início, o que não impediu o recebimento por militares e servidores de estados e municípios.

De acordo com Tiago Medeiros, coordenador-geral de Controle Externo da Área Econômica e das Contas Públicas do TCU, Se o auxílio emergencial voltar e as regras forem as mesmas, cerca de 56 milhões de pessoas devem receber o benefício neste ano, mesmo patamar de pessoas que receberam o auxílio em dezembro de 2020, de acordo com Medeiros.

Se o benefício for de R$ 250, a despesa mensal deve ficar próxima de R$ 15 bilhões, segundo o coordenador do TCU.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Tags:

Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143