Digite sua busca

 

 

Bahia Notícias Notícias em destaque Pandemia

Mata de São João terá novo toque de recolher a partir desta segunda (19)

A partir desta segunda-feira (19), a cidade de Mata de São João terá novas medidas restritivas para conter o avanço do coronavirus na cidade. O decreto foi divulgado neste sábado (17) pela Prefeitura. Com a mudança, restaurantes passam a funcionar até às 21h30 e o toque de recolher será às 22h.

Em muitos municípios da Bahia, o toque de recolher segue de acordo com o decreto estadual, das 20h às 05h e em outros, a medida foi antecipada para às 19h.

Com relação à Mata de São João, a prefeitura explica que a flexibilização das medidas restritivas foi possível porque entre os dias 16 de março e sexta-feira (16), houve uma queda de 44% nos casos de pacientes ativos com Covid-19 na cidade.

Ainda segundo a prefeitura, houve queda de 74% nos pacientes em monitoramento. Entre as pessoas com Covid-19 em tratamento domiciliar, o decréscimo foi de 49,5%. Já o número de internações caiu em 12% no mesmo período.

O novo decreto começa a valer a partir de segunda-feira até 26 de abril. O horário de funcionamento dos supermercados e demais comércios de alimento também foi prorrogado até às 21h30.

Medidas restritivas em Mata do São João

Com o toque de recolher das 22h às 5h, o comércio em geral pode funcionar até às 21h30. Entretanto, bares continuam com funcionamento até às 19h, sendo que, assim como os restaurantes, só podem operar com no máximo 50% das suas capacidades. A venda de bebidas alcoólicas são proibidas entre às 22h e as 5h.

As praias seguem abertas na cidade e estão proibidos os eventos para qualquer quantidade de pessoas, como: eventos desportivos coletivos e amadores; eventos recreativos em logradouros públicos ou privados; circos; eventos científicos; solenidades de formatura; passeatas e afins; bem como aulas em academias de dança e ginástica.

A realização de cerimônias e festas de casamento está excepcionalmente autorizada, porém, deverão ser limitadas a 50% da capacidade do local e ter no máximo 50 pessoas por evento.

Foto: Reprodução

Tags:

Leia também