Digite sua busca

 

 

Economia Notícias

Ministra da Agricultura busca novo fornecedor de fertilizantes

A ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, manifestou preocupação com os impactos da guerra entre Rússia e Ucrânia em conversa com jornalistas nesta quarta-feira (2). Como a Rússia é a principal fornecedora de fertilizante agrícola para o Brasil, as sanções que aquele país vem sofrendo pode impactar a agricultura brasileira. Por esse motivo a ministra vai ao Canadá tratar da importação de potássio, que é utilizado como adubo.

“Estou indo dia 12 para o Canadá. Essa viagem já ia acontecer, mas foi confirmada agora, que temos conversa mais firme com nosso maior exportador de potássio. Quero deixar uma mensagem de equilíbrio. A safra brasileira desse momento, a safrinha, já está acontecendo. O que precisava de fertilizante já plantou”, disse.

A ministra tentou tranquilizar o mercado, afirmando que ainda é cedo para falar sobre desabastecimento de fertilizantes que, consequentemente, geraria uma alta no preço dos alimentos. Segundo ela, tudo vai depender da duração do conflito no Leste Europeu.

De acordo com Tereza Cristina, um plano nacional sobre a política de fertilizantes vem sendo elaborado e está sendo acompanhado por uma série de estudos. O novo programa deve ser anunciado até o dia 17 de março e irá conter soluções para a adequação de leis, questões tributárias e licenças ambientais que permitirão uma maior exploração de fertilizantes no Brasil.

Foto: Antonio Araujo/MAPA