Digite sua busca

 

 

Brasil Notícias Notícias em destaque Política

“Não adianta ter um programa social forte se a economia vai mal”, afirma João Roma

O ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos-BA), falou sobre a relação entre a área social e econômica e como ela necessita de transparência. De acordo com ele, “não adianta você ter um programa social forte se a economia vai mal”.

Roma disse que teve pequenos atritos com o ministro da Economia, Paulo Guedes, quando assumiu a pasta da Cidadania, em 12 de fevereiro de 2021, momento em que o Auxílio Emergencial estava prestes a ser aprovado pelo Congresso Nacional.

“Quando eu cheguei no ministério, há um ano, nós estávamos enfrentando a pandemia e estava prestes a ser aprovado o Auxílio Emergencial pelo Congresso Nacional. Ele [Jair Bolsonaro] me chamou para uma reunião com Paulo Guedes, a partir daí foram várias reuniões, não foi nada fácil o trato com a Saúde, mas foi um trato muito leal, teve momentos que eu me esquentava com Paulo Guedes e vice-versa”, relembrou, em entrevista à Rádio Sociedade, na manhã desta sexta-feira (28).

João Roma destacou ainda que tinha muita transparência na disputa. “A área social e econômica são duas faces da mesma moeda, não adianta você ter um programa social forte se a economia vai mal. Então nós temos que fazer tudo isso, inclusive, com toda responsabilidade e com zelo na política fiscal para que as coisas não desandem”, completou.

Foto: Reila Maria / Câmara dos Deputados   

Tags:

Leia também