Digite sua busca

 

 

Brasil

Número de desempregados bate recorde em setembro, aponta IBGE

Ao longo de setembro, 13,5 milhões de brasileiros procuraram e não encontraram emprego. É um recorde para o mês e, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), representa alta de 4,3% em comparação a agosto e de 33,1% no acumulado desde maio. Por outro lado, a força de trabalho cresceu 1,4% de agosto para setembro, atingindo o contingente de 96,4 milhões de trabalhadores, ou seja, houve um aumento do número daqueles que estão dispostos a ocupar uma vaga com carteira assinada.

O movimento de retomada das atividades presenciais, levou à queda do porcentual de profissionais afastados. Dos 82,9 milhões de ocupados em setembro, 3 milhões estavam afastados por causa do distanciamento social, o que representa uma redução de 27,6% em relação a agosto. Já o número de pessoas em trabalho remoto que representavam 10,4% da população ocupada que não estava afastada se mantem praticamente estável desde julho.

As informações são do levantamento mensal da Pesquisa Nacional por Amostras de Domicílio (PNAD Covid-19), que mede os impactos da pandemia sobre o mercado de trabalho e alguns outros aspectos até o fim de 2020.

Foto: Rovena Rosa/Agência Brasil

Tags:

Leia também

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X