Digite sua busca

 

 

Brasil Justiça Notícias Notícias em destaque Pandemia Política

Omar Aziz determina prisão de Roberto Dias

O presidente da CPI da Covid, Omar Aziz, determinou a prisão de Roberto Dias por mentir no depoimento aos senadores. O ex-diretor de Logística do Ministério da Saúde depõe desde a tarde desta quarta-feira (7) na comissão.

Para Aziz, Dias omitiu informações e caiu em contradições sobre as negociações de compra de vacinas ao governo. O ex-diretor foi denunciado pelo vendedor e policial militar Luiz Paulo Dominguetti, que o acusou de pedir propina na compra de 400 milhões de doses vacinas AstraZeneca.

À CPI, Dias disse que as negociações para a compra de vacinas estavam “restritas” à secretaria-executiva da pasta e não tinham relação com o departamento onde trabalhou. Contudo, pouco depois o ex-diretor se contradisse ao afirmar que não negociava vacina, mesmo confirmando que recebeu e-mail da empresa que ofereceu a vacina indiana Covaxin.

Dias foi exonerado do cargo pelo governo de Jair Bolsonaro logo após a denúncia de um suposto pedido de propina, no valor de US$ por dose, se tornar pública, além de ter sido acusado de pressionar de maneira ‘atípica’ a compra da Covaxin.

Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

*Matéria em atualização

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143