Digite sua busca

 

 

Bahia Justiça Notícias em destaque Polícia

Operação Faroeste: Mauricio Barbosa, titular da SSP-BA é alvo de ação da Polícia Federal

A Polícia Federal (PF) deflagrou nesta segunda-feira, a sexta e sétima fases da Operação Faroeste, que tem como objetivo desarticular suposto esquema criminoso voltado à venda de decisões judiciais por juízes e desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA). Durante a ação Duas desembargadoras (TJ-BA) são alvo de mandados de prisão temporária, além do afastamento por 180 dias do secretário de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), Maurício Barbosa.

São apurados possíveis crimes de corrupção ativa e passiva, além de lavagem de ativos, evasão de divisas, organização criminosa e tráfico de influência. De acordo com a PF, as investigações apontam um esquema de venda de decisões judicias por desembargadores e juízes da Bahia, que contavam com a participação de membros de outros poderes, que operavam a blindagem institucional da fraude.

Os mandados de prisão temporária foram expedidos pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Og Fernandes, que decretou a prisão preventiva das desembargadoras Ilona Márcia Reis e Lígia Maria Ramos Cunha Lima, além da preventiva do operador de um juiz.  Também são cumpridos 36 mandados de busca e apreensão em Salvador, em outras três cidades baianas – Barreiras, Catu, Uibaí e em Brasília (DF).

Foto: Divulgação.