Digite sua busca

 

 

Brasil Notícias em destaque Política

Paulo Guedes descarta manter auxílio emergencial em 2021

O Ministro da Economia, Paulo Guedes, descartou na manhã desta quarta-feira (7) a possibilidade de prorrogar o auxílio emergencial para 2021. Segundo Guedes, a medida criada em decorrência da pandemia do novo coronavírus e irá até dezembro, sem nova extensão.

“Tem um plano emergencial e o decreto de calamidade que vão até o fim do ano. E no fim de dezembro acabou tudo isso”, afirmou o ministro.

O auxílio emergencial surgiu como proposta do governo para durar apenas três meses, com valor de R$ 200. Em seguida, o Congresso estabeleceu um valor de R$ 600. Como a pandemia se agravou, o pagamento dos R$ 600 aumentou para cinco meses. Após o pagamento dessas cinco parcelas, foi estendido até dezembro, no valor de R$ 300.

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Tags:

Leia também

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X