Digite sua busca

 

 

Entretenimento Esporte Mundo Notícias Notícias em destaque Outros Esportes

Pela primeira vez, Irã terá levantadora de peso na Olimpíada

O Irã contará, pela primeira vez, com uma mulher na modalidade levantamento de peso, na Olimpíada. Com isso, a atleta de 26 anos quebra barreiras no país, onde mulheres eram proibidas de praticar o esporte até 2018.

Parisa Jahanfekrian obteve sua vaga para Tóquio precocemente, já que a geração feminina de levantadoras de peso do Irã estava se preparando para tentar se classificar para a Olimpíada de Paris (2024). Samoa, contudo, desistiu de enviar sua representante, Iuniarra Sipaia, ao evento.

“Vou dar o meu melhor para me preparar para os Jogos. Talvez não consiga o resultado que espero, mas pode ser o começo de um caminho para as iranianas mostrarem que são capazes de participar dos Jogos Olímpicos”, afirmou Jahanfekrian, em entrevista ao diário local Tehran Times.

Em março de 2018, em Ahvaz (sudoeste do Irã), Aysan Adib, uma menina de oito anos, ganhou as manchetes por ser a primeira mulher a levantar peso em público no Irã. Desde então, a modalidade tem crescido no país.

Jahanfekrian irá competir na categoria acima de 87 kg, a mais pesada do levantamento de peso feminino. Com 87 kg, ela pesa entre 40 e 50 quilos a menos do que algumas das rivais que irá enfrentar em Tóquio. A competição terá também, pela primeira vez, uma atleta transgênero: Laurel Hubbard, da Nova Zelândia.

Foto: Tânia Rêgo/Agência Brasil

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143