Digite sua busca

 

 

Brasil Mundo Notícias Notícias em destaque Pandemia SAÚDE

Pfizer afirma que não venderá vacina ao Brasil se governo não aceitar condições

A responsável pela fabricação de uma das vacinas contra a Covid-19, a farmacêutica Pfizer, falou aos senadores brasileiros que não aceita as exigências feitas pelo governo brasileiro para vender seu imunizante no país. A informação foi repassada ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG), e ao senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), durante reunião com executivos do alto escalão da empresa para buscar soluções legislativas que contornem os obstáculos impostos.

A Pfizer quer que o governo brasileiro se responsabilize por uma eventual demanda judiciaal decorrentes de efeitos adversos da vacina, caso a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) conceda o registro ou a autorização para uso emergencial, e o governo federal não aceita.

Mesmo com esse impasse, o Ministério da Saúde incluiu a vacina da Pfizer em seu cronograma para entrega de imunizantes ao longo de 2021. Na previsão do governo federal, 8,7 milhões de doses dessa vacina são esperadas até julho, 32 milhões até outubro e 59,2 milhões até dezembro.

Foto: Pfizer/ divulgação

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143