Digite sua busca

 

 

Mundo Mundo Notícias Notícias em destaque

Polícia usa canhões d’água para afastar manifestantes anti-Bolsonaro na Itália

A presença do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) na Itália causou uma movimentação intensa na região da cidade de Pádua nesta segunda-feira (1º). Manifestantes contrários à presença do chefe do Executivo do Brasil decidiram ir às ruas para protestar e acabaram sendo reprimidos por policiais, que usaram canhão d’água contra os presentes no protesto.

Bolsonaro foi ao país para participar de uma reunião do G20 em Roma. Essa é a segunda vez que ações truculentas são praticadas por policiais ou seguranças ao redor do presidente.

No domingo, Bolsonaro saiu para passear nos arredores da embaixada brasileira, no centro de Roma. Seguranças ou policiais agrediram jornalistas que tentaram se aproximar do presidente para fazer perguntas. Um dos jornalistas, inclusive, chegou a receber um soco no estômago após questionar o motivo de o presidente não ter participado de um evento do G20 pela manhã.

Manifestações a favor do presidente também ocorreram, mas não houve qualquer registro de truculência aos manifestantes.

Foto: Reprodução/g1

Tags:

Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143