Digite sua busca

 

 

Notícias Notícias em destaque

Relator de MP quer que brasileiros assinem termo de consentimento para tomar vacina

O deputado Geninho Zuliani (DEM-SP), relator da Medida Provisória (MP) nº 1.003/2020, que autoriza o governo federal a aderir ao Instrumento de Acesso Global de Vacinas Covid-19 (Covax Facility), organização global de vacinação, revelou que em seu parecer haverá a inclusão do chamado “termo de consentimento informado” para quem decidir tomar o imunizante contra o novo coronavírus. Com o documento assinado, o paciente assume parte da responsabilidade pelos possíveis efeitos colaterais do antídoto.

Não dá para a União assumir esse passivo ao longo das próximas décadas, de tudo aquilo que eventualmente uma vacina pode trazer de efeito colateral. Então será construído um termo de consentimento informado para cada pessoa que quiser tomar a vacina”, afirmou Zuliani em coletiva à imprensa nesta terça-feira (15).

O parlamentar informou, também, que o presidente da República confirmou na reunião de hoje, que o Governo comprará todas as vacinas aprovadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), inclusive a CoronaVac, desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac, alvo de vários embates político-ideológicos.

Foto: Reprodução