Digite sua busca

 

 

Bahia Brasil Educação Entrevistas Especial Notícias Notícias em destaque Rádio Sociedade

Responsável por lei inovadora, primeira prefeita de Morro do Chapéu fala sobre nova gestão

A primeira prefeita da cidade baiana de Morro do Chapéu, Juliana Araújo, concedeu uma entrevista à Rádio Sociedade, onde explicou sobre a nova gestão do município, que se iniciou no dia 1º de janeiro, quando ela tomou posse do cargo.

Juliana chamou a atenção não apenas por ser a primeira pessoa do sexo feminino a ocupar um posto tão importante, mas também por inovar, criando uma lei contra agressores e em defesa às mulheres, além de mudar o “rosto” do Morro do Chapéu, fazendo com que a cidade, que é conhecida por um governo de imagem negativa, contabilizasse 180 dias sem corrupção. Questionada sobre as mudanças desde sua posse, a prefeita não demorou a responder: “mudou tudo”.

“Com uma liderança feminina que assumiu em 1º de janeiro, a primeira prefeita, mudou tudo. A gente está tendo um modelo de gestão inovador, quebrando paradigmas, modificando a cidade, o município já é um canteiro de obras, estamos reformando feiras, fazendo academias de saúde, centro especializado de ontologia, calçando ruas. Estamos modificando a cidade, e ela tem um potencial turístico gigante que a gente já está mapeando para, quando acabar a pandemia, as pessoas poderem visitar Morro do Chapéu, que tem vinícolas, defumados, queijos, morangos, óleos essenciais e belezas naturais, muita coisa boa para as pessoas conhecerem”, contou.

Sobre a nova lei criada pela gestora, em proteção às mulheres, Juliana se disse “extremamente feliz e orgulhosa” pela implantação. A determinação em questão proíbe que pessoas que já responderam ou ainda respondem por agressão à mulher ocupem cargos públicos na administração direta, indireta ou fundacional de Morro de Chapéu. “Eu espero que outros prefeitos e prefeitas também tirem Morro do Chapéu como modelo e possam ir no mesmo caminho”, desejou. A lei entrou em vigor no mesmo dia em que foi sancionada, na sexta-feira (11).

A chefe do executivo ainda comentou sobre a nova escola que será implantada no município. “É uma escola modelo colégio militar. A gente assinou um convênio junto com o Comandante-Geral da PM, Coronel Coutinho, e a gente tem o prazo de seis meses pra poder implantar a escola militar no Morro do Chapéu. A gente pegou uma escola municipal e vai implantar, vamos contratar policiais da reserva pra serem professores, colocar o fardamento da Polícia Militar, pintar de acordo com todas as diretrizes que a Polícia Militar determina e vai ter realmente a educação ao estilo do colégio militar”, explicou.

O São João também não passou despercebido na entrevista. A representante demonstrou uma clara preocupação com a pandemia e disse que o feriado não ocorrerá no município. “Infelizmente esse ano nós não vamos ter São João por conta da pandemia, então só vai ter feriado no dia 24. No dia 25, decretei pontos facultativos justamente para não haver aglomeração, já que o dia 25 é uma sexta feira”, finalizou.

Foto: Rádio Sociedade

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143