Digite sua busca

 

 

Economia Notícias em destaque Salvador

“Se for preciso, serão fechados”, diz ACM Neto sobre estabelecimentos

Com a pandemia do covid-19 se alastrando pelo Brasil, os estabelecimentos comerciais têm tido o funcionamento influenciado devido às medidas de prevenção contra a propagação do novo coronavírus. Após países como França, Itália e Espanha anunciarem o fechamento temporário dos restaurantes, o prefeito de Salvador, ACM Neto, declarou que a medida pode chegar até a capital baiana.

Durante entrevista à Rádio Sociedade da Bahia, o prefeito anunciou que a medida está sendo analisada e poderá ser adotada, com cautela, nos próximos dias. Mas, ressaltou que ainda não é o momento de fechar os bares e restaurantes.

“Se for preciso, serão fechados, porque à frente do impacto da economia, está a preservação da saúde das pessoas. A nossa prioridade fundamental”, declarou.

Outro caminho que poderá ser tomado pela prefeitura é a restrição do funcionamento dos estabelecimentos. No Rio de Janeiro, por 15 dias, e em São Paulo, por tempo indeterminado, a contenção do atendimento de bares, shoppings e restaurantes foram anunciadas através de um decreto do diário oficial que manifestam estado de emergência nas localidades, a decisão pode ser ampliada para outros estados.

“Nós não vamos nos furtar de tomar todas as decisões necessárias… mesmo que isso implique em restrições ainda maiores no dia a dia das pessoas. Não fazemos por gosto, mas por necessidade”, finalizou o prefeito ACM Neto.

Foto: Max Haack/Secom

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X