Digite sua busca

 

 

Bahia Notícias Notícias em destaque Pandemia Polícia

Sedur realiza mais de 1,1 mil vistorias, interdita bares e interrompe paredões

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur) esteve em diversas áreas da cidade, em mais um final de semana de fiscalizações da Fase Verde dos protocolos sanitários. As ações ocorreram entre a sexta-feira (5) e o domingo (7), em 49 bairros da capital baiana, e contaram com o suporte da Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop), Guarda Civil Municipal (GCM) e da Polícia Militar (PM-BA).

O órgão realizou mais de 1,1 mil vistorias, com 13 estabelecimentos notificados e três interdições em dois bares nos bairros da Pituba e Estrada das Barreiras e um depósito de bebidas em Paripe. Além disso, foram dispersadas duas aglomerações em eventos tipo “paredão” em Paripe e Jaguaripe I.

Desde o início da fase verde, em julho, a Sedur já promoveu mais de 56 mil vistorias, com 963 notificações, 116 interdições e 108 aglomerações dispersadas.

Operação Sílere – Dando continuidade às fiscalizações de combate à poluição sonora, a Sedur vistoriou 169 bairros através da Operação Sílere, realizada de forma integrada com as polícias Militar e Civil. Somente neste final de semana, foram 444 denúncias e 448 vistorias realizadas. Os agentes apreenderam 19 equipamentos de som nos bairros do Cabula, Paripe, Parque Bela Vista, Cajazeiras, Engenho Velho de Brotas, Pau da Lima, Doron, São Caetano e Castelo Branco. Os bairros mais denunciados foram Itapuã, Paripe, Pituba e Barra.

Ordenamento em feiras – A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) atuou no ordenamento de feiras do município. Na poligonal da Feira do Rolo, na região que compreende o Largo do Tanque, a Rua Nilo Peçanha e a Baixa do Fiscal, uma ação integrada foi promovida pela Semop em parceria com a Guarda Civil Municipal e com a Polícia Militar no domingo (07), das 7h às 15h.

Ao todo, 50 agentes entre fiscais, guardas civis e policiais militares participaram da ação, com o objetivo de coibir o comércio de rua irregular, realizando apreensões de bens de origem duvidosa ou equipamentos sem a devida licença para instalação no logradouro público, bem como fazer a dispersão do público presente no local. A operação resultou na apreensão de sapatos e produtos diversos.

Na região de São Joaquim, os agentes organizaram os ambulantes no entorno da feira, de forma a ajudar a Transalvador com o fluxo de veículos nos estacionamentos, permitindo a parada dos ônibus nos pontos e ajudando no trânsito na região.

Foto: Jefferson Peixoto/Secom

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143