Digite sua busca

 

 

Notícias Notícias em destaque

Senado convoca embaixador de Angola para explicar deportação de missionários brasileiros

O Senado Federal convocou o embaixador de Angola no Brasil, Florêncio Mariano da Conceição e Almeida, para prestar esclarecimentos na Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional do Senado, sobre a deportação de 34 missionários que atuavam naquele país.

Na semana passada, os líderes religiosos, que fazem parte da Igreja Universal, desembarcaram em São Paulo, após serem deportados de forma arbitrária do país africano. A comissão do Senado brasileiro vai investigar a postura do governo de Angola que determinou o fechamento de templos da igreja no país sem explicar os motivos, interferindo na liberdade religiosa e funcionamento da instituição.

No documento de requerimento ao Senado, o parecer aponta para uma ação de ofensa aos direitos humanos praticada pelo governo de Angola, exigindo, portanto, uma intervenção do Itamaraty.

“Na justiça angolana — depois de iniciadas as divergências entre as partes, agravadas com a tomada pela força de templos em todo o país — tramitam vários processos judiciais relacionados à IURD-Angola. Uma Comissão de Reforma de pastores angolanos foi legitimada pelo Estado angolano, tendo a nova direção da IURD, encabeçada pelo bispo Valente Bezerrra , sido eleita em assembleia-geral em 13 de fevereiro”, diz um trecho do documento.

Foto: Reprodução | TV Record


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143