Digite sua busca

 

 

Economia Notícias em destaque

Queda de 9,7% no PIB arrasta Brasil à recessão

O Brasil entra em recessão técnica depois de queda do Produto Interno Bruto (PIB) por três trimestres. Segundo pesquisa do Instituto Brasileiro de geografia e Estatística (IBGE), divulgada na ultima terça-feira, o declínio inédito de 9,7% ocorreu no trimestre composto por abril, maio e junho na comparação com os três primeiros meses do ano e 11,4% em relação ao mesmo período de 2019, sendo ambas as quedas mais expressivas desde 1996, quando a série foi iniciada.

O resultado histórico é fruto do impacto da pandemia do coronavírus e dos efeitos das medidas de distanciamento social na atividade econômica do país. Com números decrescentes da economia brasileira, por dois trimestres de encolhimento do PIB, é vista uma entrada numa recessão técnica.

Os dados do 1º trimestre também foram revisados, para 2,5% de queda, diferente da leitura anterior que teve recuo de 1,5%. Ainda de acordo com as estatísticas do IBGE, o produto interno bruto brasileiro retraiu ao patamar do final de 2009, quando os impactos econômicos da crise global provocada pela onda de quebras na economia americana.

A retração econômica do Brasil é consequência de quedas inéditas, 12,3 % na indústria e de 9,7% nos serviços, que representam 95% do PIB nacional.

Foto: Reprodução

    
 WhatsApp
 Baixe o aplicativo Sociedade Play
X