Digite sua busca

 

 

Entrevistas Notícias Notícias em destaque SAÚDE

Uso excessivo de medicamentos pode causar doenças no fígado

Quem nunca se automedicou ou precisou tomar um remédio de uso prolongado e sentiu uma dorzinha no fígado? Isto serve de alerta, pois a ingestão excessiva destes tipos de medicamentos pode requerer cuidados.

Apesar de ser usado no tratamento de doenças ou prevenção e controle de sintomas, alguns remédios podem afetar o funcionamento do fígado e/ou lesioná-lo.

Em entrevista realizada na manhã desta quarta-feira (1º) ao Balanço Geral, a hepatologista do Instituto Brasileiro do Fígado, Fernanda Sales, explicou sobre a doença chamada dano hepático induzido por remédios. De acordo com ela, a reação à composição varia de pessoa para pessoa e não tem como prever.

“A gente sabe que algumas drogas elas têm o poder de toxidade no fígado e na maioria das vezes ela tem uma relação individual no organismo do indivíduo. Alguns pacientes consomem uma única vez uma determinada droga que tem o potencial de toxidade hepática e ela já pode causar a doença, outras vezes com o consumo repetido que vai ocasionar a doença.

Em tempo, ela ressalta que, apesar de natural, é preciso ter cautela ao consumir chás e ervas. Apesar de ser natural, algumas folhas, por exemplo, podem ser altamente tóxicas.

“Algumas ervas como chá verde, hibisco, cavalinha, são ervas que já são conhecidas com alto potencial de toxidade do fígado, mas como a gente tem muito como prever quem vai ter essa reação, não dá pra generalizar. Mas sempre investigamos o uso de drogas e de ervas que podem ocasionar o dano o fígado”, disse.

Ainda segundo a especialista, as drogas mais comuns que causam esta doença são a utilização de anabolizantes, medicamentos para tratamentos reumatológicas e cancerígenos. Em caso de reação, é necessário procurar um médico.

Principais sintomas:

  • Febre baixa;
  • Cor amarelada na pele e na parte branca dos olhos;
  • Coceira pelo corpo;
  • Dor no lado direito do abdômen;
  • Náuseas;
  • Vômitos;
  • Mal-estar;
  • Urina escura como cor de coca-cola;
  • Fezes de cor clara como argila ou massa de vidraceiro.

Foto: Reprodução

Tags:

Leia também


Notice: Undefined index: bg_img_color in /home/rdsoncom/public_html/wp-content/plugins/convertplug/modules/info_bar/functions/functions.php on line 143